skip to Main Content
Por Emmy & Pauline Dala Senta contato@hartn.me

Pintura em tecido estilo aquarela — Tutorial

Há um bom tempo estou devendo um tutorial para uma parcela importantíssima de pessoas que acompanha. Hoje, finalmente trago para você um tutorial detalhado sobre pintura em tecido no estilo aquarela. Este artigo detalha a técnica com a qual pintei a camiseta do vídeo que publiquei em 2014, logo no início do blog (que na época era hospedado no meu antigo url ’emmyds.com’).

Esta é uma das várias camisetas que pintei para uma cliente, utilizando uma ilustração da marca dela. Mas a mesma técnica pode ser usada para pintar praticamente qualquer elemento. Este conteúdo também estará disponível em vídeo no nosso canal do YouTube e complementa (em muito) o que está descrito aqui. Vale a pena conferir (link no final do post).

Preparação para a pintura

Materiais necessários

IMPORTANTE: Se você já pinta aquarela ou outra técnica tradicional, não use seus pincéis favoritos para fazer isso. A pintura em tecido não é gentil com as cerdas dos pincéis. Portanto, pode usar modelos baratinhos como para pintar sem ter pena do material.
Outra observação: todas as tintas / canetas que usar para a pintura têm que ser específicos para tecido. Caso não, eles vão desbotar nas primeiras ou até em única lavada. E também podem estragar suas outras peças caso lave com outras roupas. Para que os materiais fixem bem no tecido, as camisetas devem ser de algodão, salvo quando especificado no rótulo pela fabricante.

Área de trabalho:

Gosto de trabalhar com bastante espaço. Então, sempre limpo bem a mesa, tiro de perto todas as coisas que eu não queira pintar acidentalmente. Isso inclui usar uma roupa compatível com eventuais manchinhas de tinta.

A prancheta deve ser posicionada dentro da camiseta, para que possamos esticar bem a área na qual vamos trabalhar. Eu sugeri uma prancheta de 30 x 40cm pois ela serve para a maioria das camisetas (até tamanhos infantis). E usamos os prendedores de roupa para prender o tecido esticado, assim:

Primeiro passo da pintura: traço à caneta.

Desenho

A primeira coisa que faço é o traço do desenho com a caneta. Antes disso, eu transfiro o desenho para o tecido usando um carbono. Mas, aqui, vou me concentrar apenas na técnica de pintura. Se quiserem mais detalhes sobre a transferência do desenho para o tecido, deixem nos comentários para eu saber que é interessante para vocês.

Espere secar. Se o clima estiver úmido, espero pelo menos uma hora antes de começar o próximo passo, ou a tinta vai borrar e ficar umas machas indesejadas em volta dos traços. Para ter certeza que a tinta secou, coloque umas gotinhas de água em cima de uma pequena parte do traço e veja se não espalha. Quando a caneta estiver bem seca, vamos para a parte da tinta.

Pintura

Para fazer a pintura se parecer com aquarela, basta pensar no tecido como se fosse um papel de aquarela. Isso vai ser bem mais simples pra quem já fez aquarela mesmo. Mas não tem mistério. A tinta pode ser aplicada de duas formas: sobre o tecido seco ou sobre o tecido úmido. O que vai dar a sensação de “aquarela” é a quantidade de água aplicada com a tinta. É possível aplicar os traços de tinta e depois passar água por cima utilizando o pincel. Ou, como no caso dessa pintura aqui, molhar o tecido antes de começar a pintar — aqui entra o borrifador.

Primeiros toques de tinta no tecido úmido.

Com o tecido já úmido, basta aplicar a tinta nos locais que deseja que tenham cor. Mas muito importante: não encharque o tecido. Tente molhar apenas a área na qual deseja que fique a estampa, fazendo o possível para controlar a quantidade de água aplicada.  Quando a tinta tocar o tecido úmido, ela vai começar a se espalhar e o processo não é tão rápido. Mas antes de finalmente secar, ela vai se espalhar por toda a extensão da parte úmida. Para que a tinta não chegue nas bordas do úmido e termine naquele degradê suave, tem que controlar bem o uso da tinta dentro da parte úmida.

Aqui, estou aplicando uns retoques na primeira cor já seca. Observe que na parte de baixo apliquei a tinta próxima da borda do “úmido” e ela secou bem marcada.

Nesta pintura que usei para o tutorial, apliquei apenas duas cores — violeta e magenta. Por isso, usei apenas um recipiente com água para as duas; não me preocupei com uma possível mistura pois são cores análogas. Importante anotar que: se for usar muitas cores diferentes, é bom ter um potinho de água para cada uma.

O recipiente com água será usado para limpar o pincel sempre que necessário, e também para pegar um pouco de água sempre que sentir o traço muito seco, ou que a água que já está no tecido não está diluindo suficientemente a tinta para formar as manchas desejadas.

Com a primeira camada já seca, retoco algumas áreas.

Como o tecido estava completamente úmido, esperei toda a camada da primeira cor secar antes de começar com a segunda. A pintura fica muito diferente depois de seca, então isso ajuda a encontrar locais que precisem de alguns retoques. Na segunda cor — rosa, assim como nos retoques de violeta, utilizei a tinta quase pura. A água dilui bastante a sua pigmentação — que enquanto úmida parece brilhante, mas quando seca, fica muito diferente.

Seguindo esses passos, você pode construir a sua imagem como desejar.

Resumo rápido das possibilidades:

  • Use tinta diluída na água, ou tinta pura sobre o tecido úmido para criar as manchas.
  • Use a tinta pura sobre o tecido seco para os pintar detalhes, ou para manchas com cores sólidas.
  • Dilua um pouco de tinta e água, pegue com o pincel e dê “batidinhas” nele por cima da pintura, para fazer uns efeitos de respingos bem legais.
  • Se os respingos caírem sobre o úmido, eles vão se espalhar em manchas clarinhas.
  • A mesma lógica se aplica aos traços de caneta, que pode ser usada sobre úmido se o efeito de “mancha” for desejado nesse caso também.

Com o pincel mais fino, desenho alguns detalhes.

A última de todas as cores, para mim, sempre é o branco. Aplico apenas para criar pontos de luz e detalhes que dão mais volume ao desenho. O branco é bom aplicar sempre puro, pois caso seja diluído na água e aplicado sobre as cores, elas vão parecer muito desbotadas ao secar.

Se quiser reforçar o traço preto (ou da cor que tenha escolhido usar a caneta), agora também é a hora. Por cima de todas as cores secas, a caneta pode ser aplicada para maior definição dos detalhes.

Essa é uma das camisetas que pintei para a cliente.

Espere 24 horas para usar a camiseta e pelo menos 72 horas antes de lavá-la pela primeira vez. A durabilidade, se feita em material recomendado pelo fabricante, é a mesma de uma estampa serigráfica — quanto mais lavar, pegar sol, etc, mais rápido ela vai desbotar. Mas, até agora, todas as ginastas da minha cliente estão bem felizes com suas camisetas tipo novas.

Assistam ao vídeo do processo no nosso canal:


Então, será que agora ficou tranquilo para vocês pintarem uma camiseta nesse estilo? Conta pra gente aqui nos comentários. E se fizer, poste foto no Instagram marcando eu @emmydalas e o @hartn.me, vamos adorar saber como ficou!

Até mais ^_^, 🦉✨

Related Posts
Filter by
Post Page
Inspiration Illustration DIY Misc Reviews Drawing tips
Sort by

Pintura em lápis de cor: Sailor Chibi Moon

No ano passado, eu e a Gabi Xavier (colaboradora

18

Pintura em Tecido: Testando Materiais (2)

Como eu tinha dito, essa é a parte II do meu

18

Pintura em tecido: testando materiais (1)

Então eu decidi me aventurar na pintura em tecido. Encontrei uma camiseta toda branca perdida nas minhas coisas e não resisti: tive que dar uma c

18

Inktober 2019 — vamos participar?

Neste último post de setembro, vamos falar de Inktober — o desafio que consiste em fazer um desenho por dia durante todo o

8

Guache Talens Ouro Claro e Ouro Escuro — em busca do dourado perfeito

Depois que aprendi variadas técnicas de pintura tradicional (todas em papel, ainda não passei por telas / óleos / etc), acredito ter encontrado me

8

3 Materiais de desenho extremamente úteis que poucas pessoas conhecem

Quem me acompanha desde a época que o blog era dentro do meu site (emmyds.com), já deve ter lido em algum lugar que eu fiz mais de uma dezena de c

8

Graphitint — os grafites coloridos da Derwent

Olá, pessoal! Eu sou a Pauline, e a minha primeira resenha aqui no Hartn é sobre meus novos lápis de cor favoritos! Os lápis

8

Lápis de cor aquarelável (Faber-Castell x Derwent x Caran D’Ache x Koh-i-noor)

Este artigo é uma avaliação das principais características de quatro marcas de lápis de cor aquareláveis de uso profissional. Minh

8

3 blogs artísticos inspiradores e indispensáveis

Entre as melhores coisas da internet, para mim, sem dúvidas está a infinita quantidade de fontes de inspiração e conhecimento que

8

Minha arte, há alguns anos e agora

Nos últimos meses de 2017 eu, finalmente, cheguei no mais próximo do resultado que sempre imaginei para meus desenhos. Finalmente começo a co

8

Emmy Dala Senta

Ilustradora ✨ que deveria estar vivendo na Terra Média 🦉

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar-me de
-
Back To Top
×Close search
Search